Arquivo da categoria: Publicidade

“O que você acha DAQUELE shake?”

Recentemente uma pessoa pediu a minha opinião sobre substituir refeições com aquela marca de shakes com o objetivo de emagrecer.

Eu respondi, mas vou reproduzir meus argumentos aqui no Blog. Até porque não é a primeira vez que me perguntam.

(Por que não?)

Razões para não substituir refeições por shakes com o intuito de emagrecer:

1) O que promove a perda de peso não é o produto.

Seria realmente muito estranho uma pessoa não emagrecer após um mês de refeições líquidas. Isso é o mínimo que se espera! É evidente que tomar shakes leva ao emagrecimento e a razão para isso não está no produto – não importa se você passa dias bebendo sopa, sucos, smoothies ou shakes de diferentes marcas: você vai emagrecer seguindo qualquer tipo de dieta líquida! Então se você decidiu emagrecer fazendo uma doidera dessa, pelo menos saiba que não é necessário dar seu dinheiro para corporações multinacionais safadas. Vitamina de banana promove o mesmo resultado.

2) Não troque garfo por canudo. Isso não é saudável.

Nós temos um sistema digestivo desenhado para alimentos sólidos. Por isso nós temos dentes. A digestão começa na boca.

Inclusive, quando uma pessoa fica doente e não é capaz de deglutir, os médicos passam uma sonda que vai do nariz até o trato digestivo – e a prioridade do tratamento é sempre garantir que a pessoa volte a se alimentar via oral… Porque a falta de estímulo pode causar atrofia nos vilos intestinais, que absorvem os nutrientes. Além disso, quem já apertou aparelho, retirou os sisos ou realizou outros tipos de procedimentos odontológicos sabe que é muito triste não poder mastigar.

Se não existe justificativa clínica para não comer sólidos, você não precisa fazer isso.

3) O produto não é seguro.

Eu sei que esta alegação deixa muitos distribuidores independentes contrariados, mas contra fatos não há argumentos: Existem inúmeras investigações científicas que demonstram a hepatotoxicidade dos shakes (ou seja, eles sobrecarregam o fígado)

A H. é uma empresa de marketing multinível (você não pode dizer “pirâmide”, okay?) e a realidade é que o produto é um mero plano de fundo – o que importa é o quanto você vende e quantos representantes você recruta.

4) Dê o play no vídeo abaixo.

Eles têm comportamento sectário e idolatram a figura de um fundador alcoólatra que morreu de overdose. Seja grato por não fazer parte disso.

Sem mais.

5) Você não vai conseguir seguir por muito tempo.

*Alerta de efeito sanfona!*

Se você já segue o NSE há um tempo, certamente já aprendeu que restrição gera compulsão.

É humanamente impossível sustentar a ingestão de shakes a longo prazo. Sempre tem efeito rebote lá na frente. E isso não tem nada a ver com o tamanho da sua “força de vontade” – o seu corpo fará de tudo para te salvar da privação [que ele não sabe que você está provocando voluntariamente].

Por fim…

Se você precisa emagrecer, entenda que o fim não justifica os meios. Não vale a pena adotar medidas drásticas porque isso sempre tem um preço.

Não vale tudo para emagrecer, porque essa não é a coisa mais importante. Entenda que dietas, shakes e outras abordagens do tipo são propostas superficiais que nunca poderão sanar as verdadeiras questões envolvidas no seu ganho de peso (portanto, na perda). A sua saúde deve ser prioridade, não o número de quilos perdidos.

A proposta pareceu fácil, rápida, definitiva, boa demais para ser verdade?

Desconfie.