Você não tem um corpo nos padrões.

shutterstock_65110147

Você não tem um corpo nos padrões.

O mundo todo diz que seu corpo é errado. Você se odeia, se frusta e sente vergonha de si mesma. Então você come come come para fazer a dor passar. Você não ouve mais seu corpo e come sem fome. Se isola. Se machuca. Você engorda mais ainda e se odeia ainda mais. Todo mundo diz que você precisa emagrecer para ser feliz e bonita e aceita. Você faz uma dieta. Não dá certo. Se odeia mais ainda. Faz outra dieta e outra e perde a vida tentando não comer e pensando em comida. Procura um médico ou nutricionista. Eles te passam outra dieta. Te prometem que se você não comer, você vai se amar e mais importante, as pessoas vão te amar.

”Se você emagrecer. Se você for magra tudo vai ser melhor, você vai ver.”

Você começa a comer de 3h em 3h. Você ignora seu corpo. Você come sem fome. Você tem fome e não come e fica no relógio olhando o horário esperando dar a hora de comer. Você come e é a glória, mas não é o suficiente. Ainda com fome. Ainda pensando em comida. Você perde peso e todo mundo te elogia, mas a imagem que você vê no espelho não muda. Mais magra. Mais magra. Menos quilos. Menos comida. Você não ouve mais seu corpo. Você não confia mais em si mesma. A dieta, siga a dieta. A fome é tanta. A tristeza e a culpa também. Você ataca a geladeira e vem mais culpa, mas auto ódio, mais tristeza. O médico ou o nutricionista dizem que você precisa ter mais força de vontade. Aqui uns remedios para cortar sua ansiedade e tirar sua fome. Os remedios dão efeito colateral, mas quem se importa? Você para de dormir. Tem outro remedio para isso.

Você não sente mais seu corpo, não ouve mais seu corpo, não sabe mais quem é. Engorda e emagrece. Tem roupas do 38 ao 48 no armário. A cada roupa apertada o mundo acaba mais um pouquinho. A cada pedaço de comida, a culpa te sobrecarrega.

Já não sabe mais o que é fome, o que é ansiedade ou o que é saciedade. Só come de 3h em 3h alimentos que nem quer comer. Sempre a salada e a fonte de proteína para dar mais saciedade. Carboidrato não, nunca carboidrato! Gorduras? Só as boas.

Regras. Um milhão de regras.

De 3h em 3h, os alimentos certos. Esse é uma comida ruim, não pode. ”Você se comportou mal hoje, comeu o que não devia”. O dia todo pensando em comida. O que pode e o que não pode. Os horários certos. É fome? Não é fome? Mas é horário, não é horário.

Nunca termina. Nunca melhora. É o ciclo eterno de promessas de hoje eu vou comer certo e não deu, mas amanhã eu recomeço.

Em 2016, a única promessa que eu faço é que eu nunca mais vou seguir nenhuma regra para comer.

(Texto de Daniela Mendes.)

Anúncios

3 ideias sobre “Você não tem um corpo nos padrões.

Os comentários estão desativados.