A “heart hunter”

Folha de São Paulo. Novamente.

Eu poderia ter ficado indignada, se esse artigo não fosse tão hilário:

Mulheres aprendem a desmunhecar em curso para atrair partidão

É cômico. Do começo ao fim.

De acordo com a “heart hunter” (Hahahaha!) Eliete de Medeiros, para encontrar um relacionamento duradouro, uma mulher não deve:

– Falar com o garçom no restaurante. (demonstra independência…)

– Comer muito no primeiro encontro. (no segundo, OK! Aí você já pode mostrar o dragão que você é! hahaha)

– “Tagarelar” sobre trabalho.

– Estar acima do peso.

– Sair de casa sem maquiagem.

– Usar sapatilhas e rasteirinhas. (JAMAIS! Salto alto, meninas. Sempre.)

e mais um bla bla bla bla bla bla bla bla bla bla (se quiser saber mais, leia o artigo)

De acordo com Eliete: “As magnéticas são maleáveis, “batem cabelo” (jogo de cabeça para os lados), quebram os pulsos (sim, desmunhecar) e movem os quadris enquanto conversam.”

(Oi? Quê?! HAhaHAHAHAHA…. É a Joelma?)

Ah….. Ok. Obrigada pela dica. ASSIM é magnética o suficiente????

Ah, fica a dica que o curso custa R$1000 reais, ok?

Anúncios