Ossos com ofício

A criadora e autora do Blog “Ossos com Ofício“, alerta para uma questão importante:

A situação das mulheres magras. Assim como lipofobia, que é um desprezo social profundo pelos indivíduos obesos, gordos ou “gordos” (os parâmetros para definir as formas humanas são muito pouco flexíveis, em geral basta não sermos a mulher da revista, que somos gordas)…Existe um preconceito em relação às mulheres que são longilíneas, bem magrinhas…  simplesmente por constituição. Nasceram assim e pronto. E são lindas também =]

Pois bem, basta um olhar bem magra para que se forme uma sentença:

– “Ela não tem corpo de MULHER.”
– “Ela deve ter alguma doença, coitadinha”
– “Como deve ser anoréxica, ela é uma pessoa fútil.”
– “Essa aí só presta para ser modelo, mesmo.”

JULGAR uma pessoa sem conhecê-la é preconceito. A beleza está na diversidade! Somos altas, baixas, gordas, magras, fortes, fracas, negras, brancas, loiras, ruivas……. Somos mulheres! E sermos bonitas para agradar o olhar do outro não é nossa obrigação!!

Não merecemos ser avaliadas por nossa aparência. Seja ela qual for.

Enfim, a “Magrelinha” tem muitos argumentos interessantes, vale a pena conhecer o ponto de vista dela.

skinnylove

Anúncios

2 ideias sobre “Ossos com ofício

  1. Magrelinha

    Opa, só agora eu vi seu e-mail e esse post. Gostei muito do que vc escreveu. É isso mesmo que meu blog se propõe a fazer; Vou linkar seu blog no meu, tudo bem? Um grande abraço, Magrelinha

Os comentários estão desativados.